sábado, 20 de outubro de 2007

Semeadura


Arranha minha pele com teu arado,

fecunda vontade


[ semente de aurora]


para que brote dia cintilante

e

possa ver tuas retinas refletindo

contorno lacerado


Com o alvorecer germinam crepúsculos

onde os olhos meus alcançarão teu corpo


: lua vindoura


Nas sendas do teu solo entrarei

para aconchegar esperanças


: cavernas dessas trilhas

que só desbravo quando te abres,

flor da madrugada


Cultivo brotos de tododia


Assim


[ na cotidianidade do tempo]


permanecemos a parir

– eu e tu –

deleites que alimentam

tempos de escassez


: ausência de nós,

em nós.


[...]


Passada a época seca, volta

rasura essa carne

enquanto planto no teu tudo

abundância de fertilidade,

matando a fome

que nos consome


: desejos.



Imagem: Nuno Abreu




16 comentários:

Erika disse...

na colheita e na seca.. todo dia... todo ano...mãos que rasgan a pele.

adorei.

beijos querida. ótimo final de semana

benechaves disse...

Oi, Fernanda: difícil acompanhá-la neste ritmo de teus versos. E leio 'sou luz- no teu caminho' e passo por 'columbina(revisitada)' atravessando a 'semeadura' de tantos anseios e desejos. Versos sempre fortes a palpitar nossas mentes e ilusões, nossas cobiças e volúpias, nossos amores e sorrisos, nossas lágrimas e ódios. Nossa ebulição, encantos e tesão.
E a verticalidade da vida.

Um beijo criativo...

Ricardo Rayol disse...

Semeamos fecundas sementes.. derramamos sobre a terra nosso gozo fecundo.

Fernanda e Poemas disse...

Olá Fernanda, linda poesia.
Muitos parabéns.
Beijinhos,
Fernandinha

Palavras de um mundo incerto disse...

Bah, guria!

O que eu mais tenho é desejos. Os mais loucos e os mais tranqüilos. Ando vivendo por enquanto só na loucura de tê-los. Não aguento mais em realizá-los.

Bjos e boa semana pra ti!!!


Comcarinho!!


Marcos Ster

ro disse...

Se meia dura....que nem minha terra, seu texto continua lindo, seu texto continua sendo, aquele abraço....e beijo

Van disse...

Lindona......
Que foto deliciosa!
Que poema urgente e delicioso!
Adorei!

Beijucas

Natália Nunes disse...

Esse se tornou um de meus favoritos!

Achei-o doce, sensualmente doce...

Beijão!

ACANTHA disse...

"..Com o alvorecer germinam crepúsculos..":simplesmente perfeito!
"Ausência de nós em nós..":bem o que eu tanto já quis dizer..)
Você escreve tudo o que eu já pensei um dia, FERNANDA!! Vou declará-la porta-voz da minha mente...

Ácido Poético disse...

Sensacional...

Semeando a poesia...

Beijo beijo
Brunø

Jens disse...

Oi Fernanda.
Passei pra conferir as boas novas proporcionadas pelo teu talento e desejar uma boa semana.
Um beijo, um abraço. Arriba!

maria josé quintela disse...

com esta semeadura, a colheita será certamente boa!

alex sens disse...

moça, que coisa maravilhosa! acho que este é um dos mais belos que li por aqui. pensando aqui comigo: quer participar da minha Revista Malagueta? a Ro já participou, vai estar na sétima edição em novembro também, seria ótimo tê-la por lá! mande um e-mail pra mim (alexsens@uol.com.br) que eu te explico tudo. o site da revista é este: http://revistamalagueta.com.

beijo beijo beijo!

Palavras de um mundo incerto disse...

Guria,
Saiba que fiquei tri feliz por receber teu comentário. E este que tu falaste que ando eu "filosofando", bah, soltou vários e vários sorrisos de alegria do meu rosto. Ando perambulando neste mundo(Filosofia), e estou amando. O presente que vivo está sendo uns dos melhores que vivi. Não vou dizer que esse é o melhor(bem que queria), para não ser egoísta, para não desprezar o meu passado, falo isso.

Mas ando bem e feliz.

Tenho muitos desejos e sonhos pra realizar. Procuro não pensar em nenhum durante minha caminhada. Mas quando os encontro, ou encontro um deles, eu vivo e me dou de corpo e alma.

Valeu, guria, tu é demais!

Bjos e até mais!!


Marcos Ster

Ps:Ei, às vezes posso demorar a aparecer, mas venho.
**risos**

Menkar disse...

Good blog and beautiful poems. Greetings.




Blog bom e poemas bonitos. Cumprimentos.

Menkar

FERNANDA & SONETOS disse...

Olá, minha querida, passei para desejar um bom fim de semana.
Beijinhos,
Fernandinha