sábado, 15 de setembro de 2007

A(pê)lo


No fogo de tua carne

brasas de meu querer.


Cobiço ir além da tua pele

: entrar em teus poros,

inalar teu suor,

engasgar na tua glande.


Abrir meu mundo,

deixar você entrar.


Penetra!


Vem...


Escancara as portas!


Desvenda-me...


Veda-me a outras tentações

que não a de teus apelos.


Teus pêlos.



Imagem: Andi Todea

11 comentários:

Erika disse...

Isso sim é visceral !!

Beijos

Jens disse...

Uau! Clap! Clap! Clap!

moacy.cirne disse...

O erotismo em sua temperatura literária mais elevada: belobelo, sim. Beijos.

benechaves disse...

Fernanda: esta tua 'súplica' em postagem anterior me envolve tb na beleza da imagem. E na seguinte, muito bonito o que dizes:'No escuro/te encontro em mim/e/tu te perdes/em/me encontrar'. Mas, com o 'A(pê)lo', você desvenda-se totalmente, inclusive na bela e sensual foto.
E eu me engasgo por aqui!

Um beijo sem obstrução...

Eu-Alguem. disse...

Deixou-me suado!


=]

Priscilla Pontes disse...

intenso!
Oo
parabéns!!!


Bjos.

Natália Nunes disse...

Uiiiii!
Ultra sexy!
Isso sim é FOME.
:D

Bjos!

Adão Flehr disse...

Fernanda,
Aqui penetramos fundo, na poesia!

Beijos,

sandra camurça disse...

Putz! Sem palavras!
Lindo!
Beijos.

Ricardo Rayol disse...

intensamente denso e arrepiante

Osc@r Luiz disse...

Nossa!
Eu queroooooooooo!!!
Querida, não faça isso comigo.
Ainda preciso trabalhar à tarde...
Beijo!!!