sábado, 21 de julho de 2007

A(vida)Mente

Foto: Nuno Serrano








a
v
i
d
a
m
e
n
t
e


a
vida
mente

e

veta
a
ida

da
mente

nitidamente


dividida
invadida
demente


evidentemente


a
vida
mente

23 comentários:

Heloisa disse...

Que lindo jogo de palavras Fernanda!
Amei...A vida vive de mentir pra gente...
parabéns!!!!

Assis de Mello disse...

Subscrevo o que a Helô disse: você foi muito feliz com essa colagem poética !!!
Já levei tantas peças da vida...
Beijo, lindonaaa

Rafael disse...

a vida é uma mentira, já dizia o poeta.
Gostei do seu blogue, também. Vou linkar aqui. =D
Que bom que gostou do meu. Fico muito feliz. E, por favor, sinta-se em casa: volte sempre que quiser.
^^

Viktor Navorksy disse...

Anagrama sempre foi uma paixao.. adoro as palavras e os significados que podemos dar a cada uma delas.

Obrigado pela visita
=*

Viktor Navorsky disse...

Claro que pode! =) Obrigado por linkar.

Bina Goldrajch disse...

Que brincadeira mais bonita com as palavras, Fernanda!
Eu gosto muito quando brincas assim com elas. Parecem tão íntimas! rs

Obrigada pelos frequentes elogios no blog!
Vou adicionar o teu hoje.

Um beijão!

Regina disse...

Achei lindo Fernanda! A vida realmente mente e nos deixa dividida. Mas como disse Jacques Lacan: " Você atinge o saber errando o alvo"
Beijos
Maria Regina

Eu-Alguem. disse...

Nossa...
Texto lindo,agradavel e "ecortado/montado"..Assim como as mentiras!

=]

Gostei muito daqui,e fico mui agradecido por vc ter gostado de lá.hehehe

Tambem vou te linkar(naum por agradecimento,mas pelo mesmo motivo que vc..Não posso perder isso aqui)

Té!
;*

Marcelo F. Carvalho disse...

"Quem era ele? Teve a certeza intuitiva de que não somos nada do que pensamos e somos o que ele estava sendo agora, um dia depois que nascemos nós nos inventamos" Clarice Lispector
___________-------
Estamos sempre "ávidos" a nos desvendar, mas será que somos o que pensamos ser? A vida é o que vemos? Existe verdade absoluta ou tudo paira dentro de um existencialismo sem fim? A vida mente avidamente? hehehe
______________
Abraço forte! Linda composição.

Diego janatã disse...

Todos mentem !!!!!!!!!!!
!!!!!!!!!!!!Até ela.....
Até eu ?????????????????
Até vc.

Bjs,

DJCupytkim

eu disse...

Quem não mente, quem não invade, quem não está demente?


D. Galinha

Pá Mariano disse...

Muito bom aqui, e não é isso mentira, viu rs...
bjo grande

makely disse...

Oi Fernanda, estou retribuindo a visita. Gostei do blogue. Seja bem-vinda! Beijos

Edson Marques disse...

Fernanda,


a vida mente mas a mente não.




Se você não encontrar razões para ser livre, invente-as.

Abraços, flores, estrelas..

.

Carla Martins disse...

verdadeiramente lindo...

Bruno disse...

Uma vez eu estudei em literatura, como chama esses poemas com estes jogos de palavras e tal... Não lembro o nome...

Aliás, preciso voltar a estudar isso, pra conseguir passar no vestibular...

Gostei :D

Auíri Au disse...

Adorei os textos do blog



beijos



Paz e amor


Auíri Au

zema ribeiro disse...

é isso aí: poesia na veia. abraço!

Marlla disse...

Fernandinha, parabéns... tá muito legal o blog... os poemas estão lindos... refletem você: inteligência, beleza e sensualidade.
Sucesso
Marla

Bion disse...

A vida mente e os olhos também.

"Os olhos mentem dia e noite a dor da gente"

Um bom início de semana pr'ocê.!

bisous

Sol Noturno disse...

os mosaicos de palavras quando bem usados causam sensacionais sensações... hehehe!!!

beijos

Simone Campos Ormelezzi disse...

A vida mente????
Mentimos para quê a mente veja mais sentido na vida...
Gostei do Blog..
Bjs

ya disse...

cativante
e singelo
a junção dos dois da nisso
um jogo simplorio com as palavras
que permitem a quem lê alçar vôo
para si mesmo.
pq nos somos os reais mentirosos. pq mentimos p nos mesmos. e a vida mentir p nos é consequencia disso