sábado, 4 de agosto de 2007

Escultora de Mim


Foto: Perla



Orvalhos amanhecem sobre mim,

numa intensa profusão de cores.

Desligo os minutos e me eternizo.

Entre lapsos, enxergo algas azuis.

Falésias estão a me esculpir.

Ornamento meus ais no seu barro.

Mergulho de vez em ondas agitadas.

Oscilo entre a superfície e o fundo.


Silêncio...


Paira uma névoa de saudade/dor.

Antevejo um sussurro de amor/alegre.


Relembro minhas formas incompletas...


Antes que me perca de vez nos abismos,

resgato meus traços

e me transformo.

15 comentários:

empty disse...

sim, todos os dias nos reinventamos.

belo teu escrito, intenso!
me indentifique muito...

há algo aqui tão absoluto quanto o silêncio, e eu me atormento tentando encontrar as palavras, tentando encontrar nelas uma forma de me aproximar da verdade e, em um lampejo súbito, capturar respostas que não existem.

adoro o silêncio mesmo que por vezes ele me de medo!

beijos.
=)

belo teu espaço.

auau disse...

ah...suas palavras são profundas e veradeiras...
obs: aquele conselho, estou tentando seguir rsrs



beijos



paz e amor


Auíri Au

Priscilla Pontes disse...

"Desligo os minutos e me eternizo."

Nossa muito bom o poema! Belas e profundas palavras ...
obrigado por passar no meu blog e me linkar, vou linkar o seu agora msmo ^^

Será meu o prazer de vir aqui sempre beber dessa fonte poética!

Bjos.

Osc@r Luiz disse...

Nossa!
Quanta coisa linda você tem...
De orações coordenadas assindéticas a imagens em sépia.
De onde você saiu?
Por onde andou este tempo todo que eu levei 37 anos pra descobrir que esse blog existe?
Eu estou impressionado.
Quero levar algumas das suas palavras lá pro Flainando na Web pra ficar ao lado das do Neruda.
Deixa eu postar alguma coisa sua?
Foi um imenso prazer conhecer você.
Muito obrigado pela visita e pelo comentário atencioso.
Um beijo!

Osc@r Luiz disse...

Era justamente a próxima pergunta que eu iria fazer: se eu poderia linkar você... Acho que ambos já temos a resposta.
Quanto a "conteúdos diversos", na verdade, para isso eu tenho outro blog. Com bem menor qualidade literária (propositalmente com proposta bastante diferente), mas tido pelos leitores como mais "divertido" do que o Flainando. Lá sim, tem de piadas infames a notícias curiosas, e como eu disse, uma proposta bem diferente.
Pela qualidade do que escreve, acredito que vai gostar mais mesmo do Flainando, mas se porventura, uma mulher como você também tiver seus momentos de "baixo astral" (o que eu acho difícil que aconteça), quem sabe o "By Osc@r Luiz" consegue arrancar de você pelo menos um sorrisinho...
Acredita que ele tem o dobro da audiência do Flainando. As pessoas andam preferindo o inusitado ao sofisticado... Eu não me conformo com isso!
Será um prazer ter meu blog linkado a um da qualidade do seu, e um prazer dobrado ter Fernanda Passos abrilhantando o Flainando amanhã.
Um beijo e uma boa noite pra você.

R Lima disse...

Vim te ver de novo.. e antes de mais nada agradecer pelas idas ao AveSSo.

Vc surpreende pela forma como descreve seu pensamento.. parabéns!!!


"Relembro minhas formas incompletas... Antes que me perca de vez nos abismos, resgato meus traços e me transformo"

Perfeito.


[ http://oavessodavida.blogspot.com/ ]

O AveSSo dA ViDa - um blog onde os relatos são fictícios e, por vezes, bem reais...

sandra camurça disse...

Bonito, menina, bonito. Puxa, falo tão pouco, né?
Beijos.

Osc@r Luiz disse...

Vim dar bom dia, agradecer o link e dizer que você está abrilhantando o Flainando de hoje e já tem links seus nos meus dois blogs.
Obrigado e um bom domingo.
P.S. Foi enfaticamente endossada pelo meu amigo R Lima, por quem tenho o maior apreço.

Fernanda Passos disse...

Obrigada Oscar. É uma alegria poder figurar entre tantos bons que se fazem presentes no Flainando.
Honrada...muito.

Edson Marques disse...

Fernanda,



"oscilando entre a superfície e o fundo": este é o equilíbrio mais perfeito que se tem.




Abraços, flores, estrelas..

.

Palavras de um mundo incerto disse...

Paira uma névoa de saudade/dor.

Antevejo um sussurro de amor/alegre.


Relembro minhas formas incompletas...


Antes que me perca de vez nos abismos,

resgato meus traços

e me transformo.

Ps:Uma das traduções dos meus momentos de alegria ou de tristeza.
Ps2:Adorei.
PS3:QUANDO POSTO ALGO, VEM Do meu estado de ESPÍRITO.
Ps4;Tenho que estar muitíssimo concentrado e irado com algo.
Ps5:Deixo simplesmente fluir naturalmente os meus textos,as minhas poesias.
Ps6:Bjos e abraços!
Ps7:Boa semana guria!

Mélica disse...

Vim através do Oscar Luiz conhecer o teu blog.. lindas mensagens e poesias! Gostei muito do teu blog.. voltarei mais vezes, ok? Uma ótima semana.. beijos!

Bion disse...

É... já te disse que vc deveria mesmo em pensar seriamente numa coletânia poética além-mundo-virtual?

Eita, talento !

Bom início de semana pra vc, brilhando cada vez mais forte!

Beijos,
Arthur Bion

grace nascimento disse...

"Desligo os minutos e me eternizo."
LINDO!

C Valente disse...

Passei por aqui e deixou saudações,
vou voltar